15 de jun de 2016

Apple deixa Macs mais antigos de fora com novo macOS Sierra

Programado para chegar em setembro, novo sistema da empresa deixará de fora máquinas lançados em 2007 e 2008 e algumas de 2009.

A Apple anunciou nesta segunda-feira, 13/06, que o novo macOS Sierra terá suporte para um número menor de Macs do que as edições anteriores do sistemas, deixando os computadores feitos a partir de 2008 de fora da lista.
Apesar de a empresa não ter publicado os requerimentos de sistema do Sierra em seu site, a companhia revelou a lista rapidamente em um slide durante uma keynote na abertura da WWDC 2016.
O slide em questão, que ficou na tela por apenas dois segundos, aponta que os Macs com suporte para o novo macOS Sierra incluem MacBooks e iMacs de 2009, MacBooks Air, Macbooks Pro, Mac Minis e Mac Pros fabricados a partir de 2010. 
Com isso, o suporte do novo Sierra será mais restrito do que as últimas cinco versões do software: o OS X Lion, o Mountain Lion, o Mavericks, o Yosemite e o mais recente El Capitan, aud incluíam modelos de 2007 e 2008 na lista.
Agora a Apple derrubou o suporte para todos os Macs lançados em 2007 e 2008, assim como os principais aparelhos da sua linha de notebooks - o Air e o Pro - lançados em 2009.
A empresa de Cupertino não deu uma razão para essa restrição do sistema operacional apenas para Macs mais recentes.
Fonte: Macworld.