21 de jul de 2016

Snowden, que denunciou NSA, cria case para iPhone contra vigilância

Ainda um conceito, acessório desenvolvido por ex-funcionário da NSA em parceria com hacker foi apresentado no MIT nesta semana.
O ex-funcionário da NSA e responsável por vazar o esquema de espionagem dos EUA, Edward Snowden, criou um conceito de um case para iPhone que promete evitar que o governo saiba sua localização.
Apesar de incrivelmente úteis, os smartphones também são o “aparelho de rastreamento perfeito”, afirmou Snowden em um artigo sobre sua pesquisa.
Os governos podem monitorar a localização de um usuário por meio de sinais de rádio do celular e isso pode colocar em perigo jornalistas, ativistas e defensores de direitos, alerta.
Nesta quinta-feira, 21/07, Snowden e o hacker Andrew Huang apresentaram uma possível solução para esse problema. Ela é chamada de “the introspection engine” e é feita para alertar o usuário quando os sinais de rádio do celular são acionados.
Isso pode parecer algo trivial já que os smartphones costumam vir com um “modo avião” que pode desabilitar as conexões celulares e Wi-Fi do aparelho.
Mas mesmo isso pode ser enganoso, alerta Snowden. O GPS, por exemplo, ainda continua ativo em alguns aparelhos, como o iPhone. No pior dos casos, malware também pode infectar o aparelho para enviar secretamente transmissões de rádio, aponta Snowden.
A solução de Snowden é feita para detectar qualquer sinal de telefone errado quando o aparelho é mudado para o modo avião.
O acessório funciona como um case de bateria que se conecta com o iPhone, mas também se liga ao slot de SIM card do aparelho. Um pequeno computador no case vai detectar então as transmissões de rádio do dispositivo.
Qualquer atividade incomum pode disparar um alarme. Uma pequena tela embutida no case também pode mostrar as atualizações.
Segundo Snowden, ele desenvolveu a tecnologia para ajudar a proteger jornalistas em situações perigosas.
“Infelizmente, jornalistas podem ser traídos pelas suas próprias ferramentas”, destaca Snowden.
No entanto, a chamada “introspection engine” de Snowden ainda é apenas um conceito. Ele espera desenvolver um protótipo no próximo ano.
A tecnologia será open source e é feita para ser aplicada de maneira fácil em outros modelos de smartphone.
Snowden e Huang, que já escreveu sobre hackear o Xbox, apresentaram o artigo sobre a novidade nesta semana durante o MIT Media Lab, com o Snowden falando por vídeo diretamente da Rússia.
Fonte: Macworld.