1 de fev de 2016

Será que um novo iPhone menor é uma boa para a Apple?

Rumores mais recentes apontam que empresa pensa em lançar um novo smartphone com tela de 4"e recursos poderosos.
O iPhone 5C deve ser o produto mais confuso que a Apple já fez. Lançado juntamente com o iPhone 5S em 2013, o aparelho de plástico foi visto como uma alternativa mais barata ao sempre caro celular da empresa, uma maneira da fabricante atacar o mercado intermediário, como tinha feito com o iPod Nano.

O único problema é que esse não foi o caso. O iPhone 5C era basicamente um iPhone 5 com um visual colorido e o corpo de plástico. As mudanças na parte de dentro foram mínimas e o preço era basicamente igual ao de um iPhone 5 com desconto, apesar do corpo não ser de metal. Nunca saberemos o que a Apple queria com o iPhone 5C, já aposentado oficialmente, mas imagino que era algum tipo de teste para ver se os modelos antigos poderiam vender melhor com uma nova roupagem.
E agora parece que o espírito do iPhone 5C pode ser ressuscitado. Um novo rumor publicado pelo 9to5Mac afirma que a Apple está planejando um novo smartphone que combine o corpo do iPhone 5S com o poder de um iPhone 6S. Chamado de iPhone 5se, ele pode ser tudo que o iPhone 5C não foi.
Tamanho importa
Em um mundo de telas maiores e maiores, as 4 polegadas do iPhone 5 realmente parecem minúscula. Mas apenas porque não se iguala no departamento de pixels, não quer dizer que não tenha valor. O próprio Tim Cook disse que cerca de 60% dos donos de iPhone ainda precisam fazer o upgrade para as telas maiores do iPhone 6 ou 6S. 
Os motivos para esse número alto podem ser vários, incluindo Android, custo, procrastinação. Mas também pode ser que uma boa parte desses usuários simplesmente não queira uma aparelho maior.
E quem não está interessado em uma tela grande não tem muitas opções na Apple. O único smartphone menor da linha da empresa é o iPhone 5S, um celular capaz, é claro, mas com um processador antigo e sem recursos novos como Apple Pay e Live Photos. 
Ou seja, apesar de trazer boas melhorias em relação ao iPhone 4 e 4S, fica difícil de acreditar que alguém pagaria caro por um iPhone 5S com tecnologias antigas.
Além disso, com uma capacidade de armazenamento de 32GB, o iPhone 5S é claramente voltado aos compradores de entrada. Mas com o novo aparelho, que teria recursos como chip A9, 64GB de armazenamento e chip NFC, as coisas mudariam bastante de figura. Segundo o 9to5Mac, o suposto novo iPhone menor tomaria o lugar do iPhone 5S em todos os sentidos, incluindo o preço de 450 dólares nos EUA. Com isso, a Apple poderia dar continuidade a um plano que começou com o iPhone 6S Plus: diversificação.  
Por fim, um iPhone menor e mais barato poderia ser uma arma essencial para a Apple contra a previsão pessimista da própria fabricante, que prevê vendas menores no primeiro trimestre de 2016. Vale notar que o próprio Tim Cook citou as economias em baixado Brasil e Rússia, além do dólar alto, como motivos para essa queda prevista da empresa – sem esquecer, é claro, que a Apple cobra muito caro por todo e qualquer produto que vende no Brasil.
Fonte: Macworld