31 de jul de 2016

Apple contrata especialista e reforça rumores de carro autônomo

Dan Dodge, que trabalhou no sistema de direção assistiva e de infotainment QNX, é novo nome que integra o Projeto Titan
O executivo Bob Mansfield, reconhecido pelo seu trabalho com o iMac, iPad, MacBook Air e projetos especiais como o Apple Watch, foi colocado recentemente no comando do projeto ultrassecreto da companhia, cujos rumores apontam para o primeiro carro da Apple.
Agora, seu primeiro pedido no novo cargo foi a contratação do especialista em sistema operacional, o ex-desenvolvedor da BlackBerry, Dan Dodge. 
De acordo com a Bloomberg, Mansfield vê Dodge trabalhando no software para direção autônoma dentro do Projeto Titan, reforçando os rumores de que a companhia está criando um próprio carro para desenvolver a tecnologia que alimentará a próxima geração de automóveis. Ou talvez, mais provável, a Apple esteja cobrindo todas as possibilidades ao ver onde hardware, software ou uma combinação entre ambas, terá sucesso. 
Dodge entrou para a divisão de software do Projeto Titan depois de deixar a companhia de desenvolvimento de sistema operacional QNX, adquirida pela BlackBerry em 2010. A QNX é conhecida também por ter criado o sistema de direção assistiva e de infotainment usada pela Ford, Volkswagen, e outras montadoras.
Por que isso importa
Mesmo com rumores rondando acerca de protótipos e unidades de teste, centenas de novas contratações e atrasos reportados na expectativa de uma data de lançamento, a Apple não confirmou oficialmente que está desenvolvendo um carro, tampouco negou o assunto. 
Mas agora, Mansfield, um executivo de longa data que trabalhou com Steve Jobs e bem respeitado dentro da companhia, está dirigindo o projeto. 
Ele reporta diretamente para Tim Cook, CEO da Apple, que eliminaria uma série de burocracias que poderiam atrasar o progresso do projeto. O resultado final poderia ser um carro ou um sistema que alimenta carros que nós usaremos nas próximas gerações. De qualquer forma, algo está de fato acontecendo aqui. 
Fonte: Macworld.